Guarani perde para Tupynambás e se complica no Campeonato Mineiro

O Guarani perdeu para o Tupynambás por 2×0 pela oitava rodada do Campeonato Mineiro, em jogos disputado domingo pela manhã em Juiz de Fora, no estádio Mário Helênio. Com o resultado, a equipe de Divinópolis fica estacionada na zona de rebaixamento do campeonato com apenas 5 pontos, na décima primeira posição.

Os gols da partida foram marcados por Leandro Salino, aos 35 minutos do primeiro tempo e por Ygor aos 42 da segunda etapa. A equipe juiz-forana consegue a vitória depois de quatro partidas e sobe para os 11 pontos na tabela de classificação, ficando mais tranquila em relação ao rebaixamento e com boas chances de conseguir a vaga para as quartas de final do torneio.

O Bugre divinopolitano começou a partida com mudanças; Yuri entrou no meio campo no lugar de Paulo Morais, Leomir voltou ao time titular no lugar de Ewerton Maradona e Charles substituiu Douglas no ataque. Porém a equipe começou nervosa e sofreu o constante ataque do time da casa, com duas finalizações na trave logo no início da partida.

Renato Xavier tomou cartão amarelo e, ainda no primeiro tempo, o técnico Gian Rodrigues o substituiu por Paulo Morais, tentando evitar a perda de um jogador por expulsão e também buscando deixar a equipe mais ofensiva. Porém a medida não adiantou tanto e Leandro Salino fez o primeiro gol do Baeta.

Na segunda etapa o Bugre tentou pressionar mais, enquanto o time da casa buscou se resguardar e procurar contra-ataques, iniciados principalmente pelo meia-atacante Matheus Pimenta. As mexidas (Douglas no lugar de Paulo Morais e Ewerton Maradona no lugar de Leomir) não funcionaram e o time cansou no final da partida, até levar o segundo gol, marcado por Ygor.

Mesmo com mais posse de bola no geral (54% x 46%), o time divinopolitano sofreu tendo mais finalizações contra a meta de Leandro (15 a 11 no total) e, com isso sofreu sua terceira derrota na competição, tendo agora o pior ataque do torneio, junto com o Tupi (apenas 4 gols marcados).

Depois desta derrota, o Guarani terá duas semanas para se preparar para o seu próximo compromisso, no sábado dia 9 de março, contra a URT, no Farião, às 16 horas.